Curso profissionalizante para motofretistas e mototaxistas é inaugurado hoje em Teófilo Otoni

Em parceria entre Deputado Neilando Pimenta, Centec e Asmoto, Teófilo Otoni é a segunda cidade do interior do Estado de Minas Gerais a oferecer oportunidade de curso com regulação nos termos da Contran

Foto: Francisco de Assis Souza

Um projeto inovador será colocado em prática oficialmente a partir de hoje em Teófilo Otoni (MG). O Deputado Neilando Pimenta viabilizou um curso profissionalizante para motofretistas e mototaxistas, que será disponibilizado para os motociclistas da região do Vale do Mucuri a custo reduzido. Ministrado pelo Centro de Ensino Técnico Integrado (Centec), com carga horária de 30h/a, as aulas oferecerão as disciplinas Ética e Cidadania, Noções Básicas de Legislação, Gestão de Risco sobre Duas Rodas, Segurança e Saúde, Prática Veicular e Transporte de Cargas ou Pessoas (de acordo com a atividade do motociclista). O investimento do aluno, que seria de R$350,00, será de R$195,00, incluindo o material didático, valor reduzido negociado pelo próprio Deputado Neilando. “Esta é uma maneira de melhorar uma atividade profissional importante para a região e dar segurança e o valor merecido a tantos profissionais que trabalham com a motocicleta.”, destacou o Deputado. A abertura oficial do curso e o início das aulas será nesta sexta-feira, 22 de julho, na Unipac de Teófilo Otoni, local em que as aulas serão realizadas, espaço cedido pelo Deputado, que também é Gestor da Universidade.

A Lei Federal 12.009 de julho de 2009 regulamenta a profissão de mototaxistas e motofretistas no Brasil, desde que o profissional seja aprovado em um curso especializado, nos termos de regulação do Contran, item em que a Centec está enquadrada. Motociclistas maiores de 21 anos e com mais de dois anos de habilitação na categoria A poderão, agora, exercer as atividades com mais segurança e adquirir a anotação na CNH de que são certificados para o trabalho.

Maurício Pontello, Diretor Geral da Centec, destaca que o curso pretende, principalmente, trazer mudança e melhora de comportamento dos motociclistas para evitar acidentes de trânsito que, além dos danos físicos, trazem prejuízo ao país, que gasta muito dinheiro devido ao número excessivo de ocorrências desta natureza. “Teófilo Otoni sai na frente. Temos a expectativa de que no futuro próximo vamos olhar para a cidade e saber que lá temos profissionais altamente capacitados, que contribuem para segurança no trânsito”, observou Maurício. Ele destacou, ainda, a importante participação do Deputado Neilando que negociou o aluguel da motopista do Centro de Formação de Condutores Glória. “Este projeto só está sendo possível por causa da participação do deputado Neilando, do CFC Glória e da luta pelos profissionais da Asmoto (Associação de Motociclistas Profissionais de Teófilo Otoni)”, concluiu.

Francisco de Souza, presidente da Associação de Motociclistas Profissionais de Teófilo Otoni desde 2009 e motoboy desde a década de 90, é um dos profissionais que sempre buscou soluções e melhorias para a classe. “Este curso nos dará segurança e tranquilidade para fazer nosso trabalho, além de uma melhoria financeira, já que agora podemos fazer um curso profissionalizante. Seremos mais valorizados”, comemorou Francisco.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
2 × 16 =